Cléa Sá

Depois que partiste

Depois, senhor, que partiste,
nada mais cuido a esta vida.
Mudei, como a cheia lua:
cada noite diminuo.

De Zhang Jiuling (678-640)

Fonte: Antologia da poesia clássica chinesa

Sem comentários ainda.