A poesia na fotografia de  Larry Towell

Poeta e fotógrafo, o canadense Larry Towell é um nome importante na agência Magnum.

Entre alguns de seus trabalhos que mais se sobressaíram estão fotos especiais em coberturas das guerras na Nicarágua,  El Salvador,  os desaparecidos na Guatemala e os veteranos americanos que trabalharam na reconstrução do Vietnam,  após a guerra. Também foi vencedor do prêmio World Press em 1993, com uma imagem impactante de uma criança armada, tirada em Gaza, Palestina. 


Passou e ainda passa boa parte de sua vida  envolvido em projetos com os campesinos nas zonas rurais de Ontario e México.

Além de publicações de vários livros como El Salvador (1997), Then Palestine (1999), No Man’s Land (2005) e The Mennonites (2000) , também é colaborador em diversas revistas e jornais como  Revista Times, Life, New York Times, Esquire, Elle, Rolling Stone entre outras. 


Seu trabalho ainda é feito em películas de filme e o uso que faz das máquinas digitais é para raros momentos, como costuma deixar bem claro. Quanto sua preferência de cores, é um apaixonado pelo preto e branco, pois vê nessa dupla uma combinação perfeita, que acaba resultando quase sempre em poesia.

4 Responses para “A poesia na fotografia de  Larry Towell”

  1. Marcello Sá
    19/08/2015 at 02:13 #

    Parabéns, mana, pela sensibilidade na seleção dessas fotos tão belas e perturbadoras!

  2. Lucia Leão
    18/08/2015 at 00:37 #

    Lindo Maria Eugênia! Alguma exposição prevista aqui por essas bandas?