Bendito o Fruto – A cruz de cada um nos Maus Hábitos

Cada um carrega sua própria cruz. Mas algumas são mais pesadas. As Mães de Maio lutam contra a impunidade de policiais assassinos e por Justiça para seus entes queridos. Há mais de três anos temos acompanhado essa história por meio do projeto Bendito o Fruto, de fotografia e documentário da vida de quem acusa o Estado de uma ditadura contra os pobres em plena democracia. (Veja mais em http://cleaecia.com.br/o-olhar-de-ge/patria-mae-gentil/#.VMrLCsYb7LU).


Nesse sábado 31 de janeiro, a partir da 0:00 hora, damos mais um passo na divulgação dessa dura realidade com a participação na exposição coletiva Expedição (http://expedicao.net/), no Maus Hábitos, Rua Passos Manuel 178, 4º andar, Porto, Portugal. O programa conta com 24 horas de intervenções livres da sala de exposições do espaço e segue com festas e Djs no domingo, dia 1º.


Para o evento, produzimos uma cruz dupla de 1.70m x 1.50 com composta por 18 fotografias de Mães de Maio em diversas atividades desde 2012. O crucifixo tombado ao chão abre-se com a apresentação de um vídeo (http://bit.ly/15Ohu9A) de 15 minutos em looping apresentado em um laptop.

Num país que também tem assassinatos de jovens impunes há muitos anos, como o caso de Diogo Larose Koehler, espancado por seguranças e deixado para morrer em 2004 e ainda injustiçado (http://bit.ly/1CGdLHK) Bendito o Fruto faz uma ponte com o Brasil para mostrar o drama de uma nação com mais de 50 mil homicídios por ano, sendo que 15% a 20% oficialmente por forças policiais.

email opcional/ optional email
mariaeugeniasa@mediaquatro.com

Sem comentários ainda.