Julita

Celebridade?

 

Celebridade, eu? Nem pensar. Circulo num mundo restrito e quase tão pequeno que caberia nas palmas das minhas mãos. Um pouco de exagero, confesso. Mas o que quero dizer é o seguinte: mesmo não sendo uma celebridade, alguém que frequente as páginas sociais ou tão importantes que o que diga ou faça seja um acontecimento, esse anonimato ao qual me destinei no Blog da Cléa tem me feito olhar o que me cerca de um lugar até então inusitado e, muito interessante.

 

Daqui de onde estou situada, anônima e desconhecida, comecei a enxergar um novo espaço em  que não costumava transitar antes. Parece que estou conhecendo uma outra pessoa. E, já que ela não existia posso inventá-la, ou reinventá-la, a cada quinze dias. Como acabo de conhecê-la não faço menor ideia de seus interesses, contudo algumas vezes sei que vou interferir na escolha dos assuntos.

Dividiremos, então, esse espaço num movimento de me esconder e de me fazer conhecida. Eu não, a outra que me habita, pois eu sou desconhecida pra vocês e ela é desconhecida pra mim.

Sem comentários ainda.