Daqui do meu canto

Pontos de vista de um observador intrometido

RSS para esta seção

Daqui do meu canto

. Cláudia da Silva Ferreira, trabalhadora, mãe, é assassinada pela polícia do Rio de Janeiro. O fato foi documentado por uma câmera e tem repercussões. Se não tivesse sido filmado o corpo da mulher sendo arrastado pelo carro da polícia, haveria alguma consequência? O Governo vem e pede desculpas, promete apoio e indenização, mas de […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Daqui do meu canto

. O Papa Francisco, numa cerimônia na Capela Sistina, batizou 32 crianças e entre elas a filha de uma mãe solteira. Com isso, ele muda comportamentos da Igreja Católica que até a pouco tempo não permitia que se batizasse a criança sem provar que os pais eram casados. Ninguém me contou: eu vivi tal situação. […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Daqui do meu canto

Novembro, 2013 . Esta semana, no dia 21, o Congresso anulou a sessão realizada também pelo Congresso brasileiro em 1º de abril de 1964 quando declarou vaga a presidência da República ocupada pelo presidente João Goulart, legalizando o golpe dado naquele dia. Vi gente reclamando. Aparentemente não muda nada. O tempo não volta. Mas acho […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Daqui do meu canto.

1. Foi bonita e merecida a homenagem ao presidente João Goulart. Sempre acho que Jango foi muito injustiçado. Ele sempre lutou pelos trabalhadores e pelos interesses do país, na minha não tão modesta opinião. Disseram que foi covarde ao sair do Brasil em 1964 e se refugiar no Uruguai. Ele sempre disse que quis evitar […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Daqui do meu canto

Daqui do meu canto .  Quem matou o terena Oziel Gabriel, em Sidrolândia (MS), na fazenda que desde 2010 foi declarada Terra Indígena? Não sei a quantas anda a investigação, se continua ou se  já foi encerrada, se alguém foi acusado do crime, ou se o índio simplesmente foi dado como morto sem ninguém ter […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Daqui do meu canto

Do que li, vi e ouvi . Pergunto-me se vão conseguir desconstruir o ministro Luiz Fux como está me parecendo. Acho que ele tocar guitarra na posse do ministro Joaquim Barbosa foi a gota d’água. Para quem já estava com raiva… . Leio com atenção e concordância entrevista de Fernanda Montenegro hoje na Folha de […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Da tristeza das guerras e de outras mazelas

Daqui do meu canto . “Quem quer que seja pode dizer o que quer que seja. Responde pelos excessos que cometer, mas não pode ser podado por antecipação”. Ministro Carlos Ayres Brito. . Compartilhando este pensamento tão bem respaldado, considero uma tremenda injustiça nós pagarmos o imposto de renda dos senadores da República sobre os […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Daqui do meu canto

. Leio no jornal de hoje que a fotógrafa húngara Claudia Andujar está com uma mega instalação no centro de São Paulo sobre os Ianomâmis. Só o nome da exposição já é poesia: Sonho verde azulado. Conheci alguma coisa do trabalho dessa fotógrafa por Eugênia, responsável pela coluna O Olhar de Gê. Sinto-me honrada de […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

O Ministro, o cristão, o matador, o livro.

Música para meus ouvidos e, acredito, de muitos outros, as palavras do ministro Celso de Melo: ” (…) corruptos e corruptores (são) os profanadores da República, os subversivos da ordem institucional, os deliquentes marginais da ética do Poder, os infratores do erário, que portam o estigma da desonestidade (…) E, por tais atos, devem ser punidos […]

Deixe um comentário Continue Lendo →