Arquivo | outubro, 2013

Gravidade

O mexicano Alfonso Cuarón tem uma carreira marcada por sucessos desde a sua estreia na direção em Hollywood, com o filme infantil A Princesinha. Ele foi o responsável pelo campeão de bilheteria Harry Potter e o Prisioneiro de Askaban – o terceiro e mais lucrativo da série – e pelo consagrado drama, rodado em seu […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Poema de Sete Faces

Carlos Drummond de Andrade Quando nasci, um anjo torto desses que vivem na sombra disse: Vai, Carlos! ser gauche na vida. As casas espiam os homens que correm atrás de mulheres. A tarde talvez fosse azul, não houvesse tantos desejos. O bonde passa cheio de pernas: pernas brancas pretas amarelas. Para que tanta perna, meu […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

O filho de mil homens

Caros companheiros de leitura Ontem, dia 29, estivemos reunidos para discutir o livro “O filho de mil homens”, de Valter Hugo Mãe e tivemos mais uma das nossas noites memoráveis. Estávamos Andrés, Bete, Ceissa, Cléa, Inês, Virgínia e Zita e embora não fôssemos muitos – a chuva forte pode ter afastado alguns, – a conversa […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Literatura Os 100 livros essenciais da literatura mundial

Copiei de um post da Bete, no Facebook. Saiba o que é importante ler, de Homero a Machado de Assis, para entender a história da literatura 26/10/2011 17:29 Texto Almir de Freitas Bravo Jorge Luis Borges imaginou certa vez uma biblioteca que contivesse todos os livros do mundo – não apenas os existentes, mas também […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

O canto de João

Por Aloísio Brandão. O velho ônibus deu partida, sacolejou, ganhou velocidade e foi deixando Brasília para trás em direção a Santana dos Brejos, a 670 quilômetros Nordeste adentro. Era uma manhã meio fria e seca de início de Julho de 2006. Conheço este estradão de cor e salteado. São 33 anos indo e vindo, no […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Liberdade, liberdade

Ah! Julita, Julita! Não desapareceu não, gente. Sequestrei-lhe a palavra.Ela andava exibida demais quase me expulsando da minha toca, do meu esconderijo. Sequestrei-lhe a palavra. Pronto. Quem sabe, pensei, ela aprenda que é apenas um pseudônimo, como que um biombo por onde deixo passar fugazes impressões do viver, o meu e o de outros. Sequestrei-lhe […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

Cristina Garcia Rodero – Um trabalho envolvente

Cristina García Rodero possui um trabalho primoroso, sensível, que nos projeta e nos envolve em seu olhar. Ganhadora de diversos prêmios, inclusive o famoso W. Eugene Smith Prize e o Prêmio Nacional de Fotografia da Espanha, suas obras ultrapassam o documental, indo do valor etnológico à grande qualidade estética. Uma fotografia além do simples registro […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

De colégio interno, medo do inferno e outras lembranças

A escola não era risonha e franca. Era severa, com horários rígidos, muita reza e pouca brincadeira. Era o Colégio Santa Teresa, onde passei longos anos, mal saída da infância. Lembro-me deles. E a primeira imagem que me vem é a da fila de meninas vestidas de modo igual, andando em silêncio pelos pátios, entrando […]

6 Comentários Continue Lendo →

Contrariedades

Cesário Verde Eu hoje estou cruel, frenético, exigente; Nem posso tolerar os livros mais bizarros. Incrível! Já fumei três maços de cigarros Consecutivamente. Dói-me a cabeça. Abafo uns desesperos mudos: Tanta depravação nos usos, nos costumes! Amo, insensatamente, os ácidos, os gumes E os ângulos agudos. Sentei-me à secretária. Ali defronte mora Uma infeliz, sem […]

Deixe um comentário Continue Lendo →

EDVARD MUNCH

EDVARD MUNCH (Loten, 12 de dezembro de 1863- Ekely, 23 de janeiro de 1944.) O mundo reverencia os 150 anos de nascimento de um dos mais notáveis artistas dos séculos XIX /XX. Foi o precursor do Impressionismo alemão, destacando-se como pintor, gravador e desenhista. Edvard MUNCH nasceu em Loten, Noruega, porém logo a família mudou-se […]

1 comentário Continue Lendo →